O proibido é mais gostoso.

Eu me chamo Marcelo e sou casado há 5 anos, tenho 27 anos e minha mulher Isadora, 25 anos. Quando começamos a namorar conheci também sua irmã Márcia, mais velha e casada que se tornou objeto de minhas taras. Márcia era uma mulher linda, seios médios e firmes sempre em riste, marcando sempre as suas... Continue lendo →

Bunda e boca pro cunhado.

Sou morena clara, seios médios, 1,68 m, bem proporcionada, 35 anos e profissional liberal bem-sucedida na minha área de atuação. Meu cunhado foi o causador da minha revolução pessoal, pois até então tinha tido relação nada especial com 2 namorados, nunca sendo muito festeira e namoradeira, primeiro me dedicando aos estudos e depois integralmente a... Continue lendo →

A insaciável.

No final de janeiro fui com minha namoradinha a uma festa na Floresta, um bairro classe média aqui de Belo Horizonte. Sei que acabei me excedendo na bebida e amarrei o maior porre. Suzete, minha garota, resolveu me levar para sua casa, onde eu ficaria até melhorar. Proibindo-me de pegar no volante, ela guiou o... Continue lendo →

Cunhadinha curiosa.

Eu estava casado há pouco tempo e morando na mesma pequena e simples casa de uma cidade do interior de São Paulo, onde ainda moro. Minha mulher, Isabel, não trabalhava fora e era fogosa e ardente, de uma voracidade insaciável. Eu sempre chegava tarde do trabalho e, por isso, preferíamos fazer amor pela manhã, até... Continue lendo →

Uma historia proibida.

Desde a escola Leila era uma mulher que chamava a atenção por sua beleza, mas não era a mais bonita da classe, nem a mais simpática, o que encantava nela era o conjunto da obra e principalmente um jeito malicioso e todo misterioso sobre ela, todos a conheciam e sabiam de sua vida, mas o... Continue lendo →

Achei que era virgem.

Meu nome é Luiz, sou moreno claro, olhos verdes, 1,75 m de altura e 80 kg, sou um homem apresentável. Há uns dois anos conheci minha atual namorada, hoje moramos juntos, e ela tem 4 irmãs, todas muito ligadas a trabalho e pouco em relacionamentos, inclusive sua irmãzinha caçula, Geise, com 17 anos na época.... Continue lendo →

Minha querida e gostosa cunhada.

Tudo começou no dia em que a delícia da minha cunhada de 19 anos veio morar em nossa casa, tinha brigado com a prostituta, mercenária e muito gostosa de sua outra irmã que mora atualmente em SP. Como a minha casa é bastante grande tínhamos um quarto para hospedar a Maressa que trouxe todas as... Continue lendo →

Por vingança dei o cu.

Meu esposo é cheio de fantasias, isto tem deixado nosso casamento sempre cheio de novidades e não cai na rotina. Para passagem do final do ano, ele comprou um vestido de bolinha e calcinhas fio dental vermelhas, segundo ele, iria comer meu cuzinho a noite toda. Meu cunhado e minha irmã vieram passar as férias... Continue lendo →

Meu marido arrombou o cu da minha irmã.

Minha irmã é muito dada comigo, ela é um pouco baixinha, tem uma bunda grande e seios fartos, cabelos encaracolados e um lindo sorriso, uma moreninha gostosinha. Seu grande problema é o seu marido que a maltrata demais, é grosso, machista, ignorante, mulherengo e infiel demais, aliás, eu já o usei só para dar o... Continue lendo →

Por me amar demais.

Cinco meses sem saber de Renata porque pedi para a irmã não me contar mais nada sobre ela e numa tarde em que lascava a cunhadinha no porrete na cama que vivi loucuras com sua irmã. Ela, arfando em gozadas intermináveis, falava entre gemidos, que Renatinha era muito burra por me perder, porque eu era... Continue lendo →

Minha cunhada Adriana.

Meu nome é Paulo, tenho 30 anos, sou casado com Mônica e vivemos bem. Além de Mônica são mais duas irmãs na família e uma delas chama-se Adriana. Quando comecei meu namoro com Mônica, não havia nada muito atraente em Adriana. Ela era mais nova e ainda não possuía nada de tão interessante, tinha uns... Continue lendo →

Enrabando a cunhada.

Todo homem é louco pra meter com a cunhada, ainda mais se for numa situação inusitada como foi a minha. Num determinado sábado, viajei com a minha esposa para uma cidade vizinha onde fui com o intuito de comprar um terreno. Aproveitamos e passamos o fim de semana na casa do meu cunhado, irmão de... Continue lendo →

Márcia, a prima da minha esposa.

Alta, 1,75m de altura, pele clarinha, uns 60kg bem distribuídos, cabelos negros como a noite e curtos, o que lhe fazia parecer ainda mais alta. Essa era a prima da minha mulher, que dirigia a escola na qual minha filha estudava. Sempre que eu ia lá sozinho, ela brincava comigo, coisas do tipo "você tá... Continue lendo →

A cunhadinha gostou.

Minha cunhada resolveu fazer um churrasco para comemorar o seu aniversário, como a nossa casa tem uma varanda ampla, e os convidados seriam muitos, ela pediu para que cedêssemos o espaço para realizar a sua festinha. A festa acabou tarde e como estávamos cansados, decidimos retirar o lixo apenas no dia seguinte. Mas como era... Continue lendo →

Enquanto a minha mulher dormia.

Eu estava casado há pouco tempo e morava na mesma pequena e simples casa de uma cidade do interior de São Paulo, onde ainda moro. Minha mulher, Isabel, não trabalhava fora e era fogosa e ardente, de uma voracidade insaciável. Eu sempre chegava tarde do trabalho e, por isso, preferíamos fazer amor pela manhã, até... Continue lendo →

Site hospedado por WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: